De repente, o amor - Susan Fox

Livro: De repente, o amor
Autor (a): Susan Fox
Editora: Única
Ano: 2013
ISBN 978-85-7312-861-1

"Aos trinta e um anos, a sorte de Kat Fallon com os homens já se mostrou longe de ser algo positivo. Mas quando ela convida seu melhor amigo e vizinho Nav Bharani para ser seu par no casamento de sua irmã mais nova em Vancouver, ela não imagina que está para embarcar na maior surpresa de sua vida... Nav é apaixonado por Kat desde que ela se tornou sua vizinha, e quando ela diz para ele que adora viagens de trem, principalmente pela possibilidade de "conhecer" estranhos, Nav bola um plano para ganhar o coração de Kat."

*Livro cedido em parceria com a Editora Única.

Oie, tudo bom?

Esse é o primeiro livro Hot que eu leio e confesso que tinha muitos receios em relação ao gênero. Eu lembro que quando 50 Tons de Cinza estava no auge do sucesso eu morria de curiosidade para ler a trilogia. Porém, depois de ler muitas resenhas e comentários negativos eu desanimei e deixei de lado. Mas, não é de hoje que sou encorajada por amigas blogueiras a dar uma oportunidade para o gênero e resolvi experimentar com essa série da Susan Fox.

De Repente, o Amor faz parte da série das Irmãs Fallon e cada livro tem uma das irmãs como protagonista: Theresa, Kat, Jenna e Merilee. A verdade é que solicitei o livro errado, pois esse é o segundo livro da série, mas não tive nenhum problema para me situar na narrativa. A protagonista da vez é Kat Fallon, ela é diretora de relações públicas de um hotel em Montreal, no Canadá, e ainda não encontrou o cara certo.

Kat descobre que sua irmã caçula Merilee vai se casar em algumas semanas e fica apreensiva por ser mais velha que ela e não ter nenhum namorado. Ela então decide convidar seu vizinho e amigo Nav Bharani para ser seu acompanhante no casamento. Nav é completamente apaixonado por ela e tenta aceitar o fato de Kat não querer se envolver com ele por causa da amizade. Além disso, Nav faz o estilo hippie e não é nada parecido com os caras glamurosos e sofisticados que Kat sempre namora.

"Ele tinha razão quanto à minha tendência de me apaixonar perdidamente. Era como ver um lindo vestido que eu precisava ter. Com homens, eu tinha visto o campeão olímpico, ou o campeão da Nascar, lindos, sensuais e fascinantes, e se um deles realmente se sentiu atraído por mim, como eu não me apaixonaria por ele?" (pág. 49)

Cansado de ficar na "friendzone" Nav decide surpreende-la durante a viagem de trem que ela faz para ir ao casamento na cidade de Vancouver. Quando ele aparece vestido com ternos de grife, sotaque diferente, barbeado e sofisticado, ela não o reconhece no primeiro momento. Inicialmente como Pritam e depois como Dhiraj, ele a convida para participar desse jogo onde Kat pode se envolver com ele sem que a amizade entre ambos seja afetada. Durante a viagem Nav tenta mostrar para ela que pode ser um amante atencioso, agradável, interessante e amável.

Esse livro me surpreendeu, pois a narrativa não consiste apenas em cenas quentes jogadas na cara do leitor. A protagonista tem problemas para se aceitar e por isso sempre repara na aparência das pessoas e busca caras que tem "embalagem" e nenhum conteúdo. Durante a viagem ela começa a perceber uma série de conceitos que estavam errados em sua vida e que estão relacionados com sua criação e sua família.

"Por que você se compara com os outros? Você é você. Linda, talentosa, interessante, generosa, divertida de ter ao lado. Você é ímpar, especial e valorosa.. Principalmente quando para de se esconder atrás da insegurança e deixa seu verdadeiro eu se mostrar." (pág. 274)

Em relação as cenas de sexo a autora é bem descritiva, consegue prender o leitor e repassar a emoção do momento vivido pelos personagens. A única coisa que me incomodou foram algumas palavras desnecessárias que ela colocou na boca dos personagens que me fizeram sentir vergonha alheia. Apesar disso, as cenas hot's acontecem nos momentos certos sem que a autora force uma situação. Kat e Nav tem muita química e isso ajudou na minha identificação com o casal, pois a narração alterna entre os dois.

"Às vezes, você precisa de um sexo ótimo para passar a raiva e, às vezes, você precisa de uma conversa racional e respeitosa. A vida é cheia de momentos difícéis e é preciso amor e amizade para vencê-los juntos." (pág. 203)

Em alguns momentos eu me irritava com a Kat pelo seu excesso de cuidados para não confundir os "desconhecidos" com seu amigo Nav. Mas, foi interessante a autora amadurecer a personagem para que ela começasse a história como uma mulher medrosa e deslumbrada e desencadeasse em diversas mudanças pessoais no decorrer do livro. Para isso foi imprescindível à presença de alguns personagens aleatórios que ela conheceu dentro do trem.

A família de Kat é bem divertida e aparece em e-mails e telefonemas que ela troca com as irmãs durante a viagem. Estou bem curiosa para saber o que foi reservado nos outros livros da série, pois são mulheres com personalidades bem diferentes.

A escrita da autora é muito tranquila, dinâmica e apaixonante. O livro vai evoluindo sem grandes tropeços com uma narrativa rápida que pode ser feita em poucas horas. Indicado para quem curte o gênero e também para você, que assim como eu, não conhece muito o estilo hot.

Beijos!

46 comentários

  1. Eu não gostava nenhum pouco do estilo hot porque achava que todos eram tipo 50 tons de cinza, mas vários deles vem me surpreendendo! Eu morro de vontade de ler esse, porque minhas amigas também falam muito bem sobre! Uma hora eu compro <3
    Beijinhos,
    Paula
    http://www.interacaoliteraria.com/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Paula, acho que sempre rola esse preconceito inicial com livros desse gênero. A narrativa dessa autora é muito boa.
      :D

      Excluir
  2. Eu já li alguns hot e gosto bastante desse tipo de romance, ainda não li esse, mas gostei bastante da estoria.

    Meu Mundo, Meu Estilo
    Participe do TOP Comentarista de Fevereiro

    ResponderExcluir
  3. Essa série é muito bem comentada. Confesso que não tinha interesse por ela devido 50 Tons de Cinza hehe, mas acho que vou dar uma oportunidade para a série, por ser envolvente e dinâmica.
    Beijocas ^^

    ResponderExcluir
  4. Eu já vinha lendo algumas resenhas dessa série a algum tempo. Nunca li nada HOT, e com o tão falando 50 tons, tenho curiosidade de ler, quando minha leitura folgar um pouco. Eu gostei da trama da autora, esses livros de "friendzone" devem ser bem legais, sempre uma surpresa. Eu gostei da premissa do livro, depois vou solicitar, vai que eu goste do gênero? [ou não] HAHAHAHAHAH Ainda bem que a leitura do 2° fluiu bem, e não te atrapalhou por não ter lido o primeiro.

    Abraços,
    http://leitorespossessivos.blogspot.com/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Fluiu porque não é sequencial e recomendo para quem não conhecia os hots como eu.
      :D

      Excluir
  5. Oi Aline, nunca tinha lido uma resenha desse livro. Confesso que, apesar de ser fã de 50 Tons, fiquei saturada com esse comércio de eróticos e nunca mais tive vontade de ler nada a respeito.. hehe Beijos, Mi

    www.recantodami.com

    ResponderExcluir
  6. Oie Aline =)

    Só leio resenhas positivas dessa série e estou ficando cada vez mais curiosa. Por mais que o tema já esteja um pouco saturado, acho que ainda vale a pena dar uma chance aos bons livros do gênero, como parece ser o caso dessa série em especial.

    Beijos e um ótimo final de semana;***

    Ane Reis.
    mydearlibrary | Livros, divagações e outras histórias...
    @mydearlibrary


    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada Ane! Quero muito ler os outros livros da série.
      :D

      Excluir
  7. Também não li muitos livros deste gênero, mas gosto desta série por cada um dos volumes ser de uma estória diferente. Este livro que você resenhou parece ser muito bom, vou ler em breve, só estou esperando chegar e espero gostar também :)
    beijos ♥

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Espero que você tenha gostado da leitura Dani!
      :D

      Excluir
  8. Oiee

    Também não tenho costume de ler livros hot mas com o sucesso que vem fazendo estou quase me rendendo a esse genero !

    Beijos

    www.livrosechocolatequente.com.br

    ResponderExcluir
  9. Gosto de hots, mas não quando é muito forçado e tal. Quero ler essa série. *-*
    Li ótimos comentários sobre. E que bom saber que a leitura é dinâmica, odeio ficar empacada num livro. xD
    beijos
    apenas-um-vicio.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  10. Oi Aline!
    Tenho receio desse tipo de livro e mesmo já tendo lido algumas resenhas dessa série, ainda não tenho curiosidade suficiente para comprar...
    Beijos!
    http://sobrelivrosesonhos.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  11. Oi Aline! ^^
    A história parece ser interessante. Ah, essa "friendzone". Conheço bem. Bem até demais! Hahahaha... o pior é que sempre aparece uma garota que passa na minha frente antes que eu consiga quebrar a linha que separa amigos de namorados. Quando não é uma garota, são os caras cheios de desculpas. Resumindo: nunca deu certo.

    Nunca li nada do gênero Hot, exceto algumas cenas intrusas como as presentes em "Inverno das Fadas". Mesmo que colocadas nos momentos certos e bem escritas, não gosto desse tipo de leitura.
    Acho que drama e hot vão estar sempre fora da minha wishlist.

    Beijusss;
    http://hipercriativa.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  12. Olá Aline.
    Ainda não li nenhum livro hot, mas teve alguns com alguns trechos, nada aprofundado nesse gênero, e caso eu comece a ler livros hot, esse possa ser um dos primeiros.
    Pareceu bem interessante, e esse cenário de trem, me deixa bem interessada. Nada como novos ares para fazer uma história aflorar.
    Só não entendi muito bem uma coisa, o Nav, quando se arrumou, nem a super amiga dele o reconheceu? Mui amiga haha

    Beijos
    Blog|Twitter|Sorteios

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. kkkkk...ela ficou na dúvida se era ele ou não. Mas pelo visto ele estava bem diferente.
      ;D

      Excluir
  13. Ei Chefa! :)

    Como você já sabe os livros hots não me chamam muito a atenção, mas confesso que é um mercado que vem sendo bastante explorado ultimamente.
    Ótimo post.

    ResponderExcluir
  14. Adoro estórias hot, então o livro e a série das Irmãs Fallon já está na minha lista de desejados há algum tempinho.
    Mas confesso que séries hot que seguem famílias de irmãos já tá começando a me cansar um pouco.
    É bom saber que a autora consegue manter uma escrita fluida e que prende o leitor. Gostei também do fato da protagonista amadurecer a medida que a história avança.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Rita, eu recomendo muito essa série. Espero ler os outros livros em breve.
      :D

      Excluir
  15. Adorei a resenha. É uma pena eu ainda não ter tido tempo de ler essa série, pois leio resenhas maravilhosas.

    Beijos.

    http://livrosleituraseafins.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  16. Oi Aline,

    Ainda não tinha ouvido falar do livro ou da série. Gostei da sua resenha, demonstrando os pontos positivos e negativos, e bom saber que esse não é só mais um romance erótico, vamos confessar, a maioria se desenvolve em torno do lado hot e suas cenas, com pouco conteúdo, coisa que parece ter nos livros da autora.
    Beijos!

    ResponderExcluir
  17. Oii Aline!
    Me diz uma coisa, vc que conhece romances beeem melhor que eu, será que aqueles romances de banca são considerados hot também? Eu gosto bastante daqueles livrinhos haha

    Beijos!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Rafa. Depende, pois alguns tem uma pegada mais hot mesmo.
      :D

      Excluir
  18. Chefa estava curiosa pra saber sua resenha Hot, estou com esse livro para ler, e adorei sua resenha a autora tem um ótimo escrita o que facilita muito a leitura, eu li de repente destino que é o da capa verde vc vai gostar!
    bjkas
    Dani Casquet- Livros, a Janela da Imaginação

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Dani, quero ler todos os livros da série.
      :D

      Excluir
  19. Ainda não li nenhum livro da trilogia, mas gostaria muito de ler, que legal seu primeiro livro hot, sua primeira resenha hot, e você se saiu muito bem, acontece de você ver um livro e não fazer ideia de que é de uma série, ai você leva o livro e somente depois percebe que ele não era o primeiro, ainda bem que não tem problema não ler em ordem, espero poder ler em breve, pois eu curo o gênero, e parece que o livro é muito bom.
    Beijos!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada pelo comentário Camila! Espero ler os outros livros da série em breve.
      :D

      Excluir
  20. Nossa sua resenha ficou ÓTIMA, ainda nao tinha lido nenhuma deste livro, mas é um dos que eu quero ler. Concordo com a parte que você comentou em relação a 50 tons, eu tbm fiquei com uma grande curiosidade, mas acabei lendo... Não vou dizer que amei mas tbm não vou dizer que é péssimo.
    Esses livros das Irmãs Fallon são os que mais quero ler este ano, mas principalmente "De repente é Ele"...
    Sua resenha me deu mais vontade ainda de ler "De repente o amor".

    XOXO

    Paradise Books || @ParadiseBooksBr

    ResponderExcluir
  21. Oi Aline,
    hoje mesmo li uma resenha de outro livro dessa série, e estou super curiosa. Eu já li vários hots e curto o gênero, mas gosto dos livros como esse: que tem uma história e não é sexo por sexo. Acho que tem uma diferença enorme entre hot e pornô, e desse último passo longe, rs. Estou louca para ler essa série, e o bom é que nem vou precisar gastar (to falida, rs), porque uma amiga tem os dois primeiros e vai comprar o resto depois, rs.
    Pelos seus comentários meu conselho é: Não leia 50 tons! Acho que você não vai gostar. Eu achei bem mais ou menos, história fraca com muita cena de sexo desnecessária (até para um erótico, rs), mas o que mais me irritou foi o fato de ser uma imitação descarada de Crepúsculo, rs. Também não leia a série Toda Sua. Dessa série eu gosto, mas a linguagem é bem pesada, tem partes que chega a ser vulgar, então acho que também não te agradaria, rs.

    beijos
    meumundinhoficticio.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Bru, tudo bom?
      Obrigada pelas indicações e irei ficar de olho nelas. Pretendo ler essa série primeiro e depois arriscarei outras. Realmente eu desisti de 50 tons de Cinza e a história não me atrai tanto.
      Amei seu comentário Bru!!!!
      :D

      Excluir
  22. Apesar da resenha ter uns pontos que achei bem interessante, em geral não gostei muito do livro, mas mesmo assim é bom tirar a dúvida na leitura.

    Bjs,

    ResponderExcluir
  23. Também tenho receio de ler livros nesse estilo. Não gosto muito da coisa sadomasoquista que há em alguns ou a coisa que você disse que nesse não há, "não consiste apenas em cenas quentes jogadas na cara do leitor". Só de saber isso é ótimo! Mas, não sei se lerei um dia, quem sabe se um desses livros cair em minhas mãos, talvez leia.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu também gosto de livros hot com mais conteúdo Oliveira.
      :D

      Excluir
  24. Oiii Aline!! Hot não é o meu estilo preferido de livro, não li 50 tons também! Ainda não apareceu nenhum livro que me fizesse querer comprar e começar a ler o gênero.

    Beijos

    Mari
    cantinhodeleituradamari.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  25. Li 50 tons, e desde então faço cara feia para esse estilo. Mas, achei interessante a evolução que a protagonista sofre no decorrer da estória. Não é minha primeira opção de leitura, nem a segunda ... mas quem sabe se pintar a oportunidade talvez eu leia...
    Bjux

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pois é Suellen, eu me surpreendi com a leitura e talvez você também seja.
      :D

      Excluir
  26. Oi Aline, tudo bem??
    Primeira resenha que leio do livro e confesso que já li um livro deste gênero e não me agradou muito mas quero ler outros para saber se gosto mesmo ou não...E este me chamou muito atenção pela sua resenha...Parece ser aquela personagem que vai amadurecendo durante o livro e não há somente cenas HOT durante a leitura!
    Adorei conhecer um pouco mais sobre ele.
    Beijos!!

    ResponderExcluir
  27. Aline eu também tinha muito preconceito com esse gênero literário, mas li 50 tons de cinza para tirar minhas próprias conclusões sobre a história. Apesar de não ter gostado do livro, percebi que esses livros podem trazer histórias além das cenas hots. De lá pra cá tenho acompanhado algumas séries do gênero e só me surpreendo mais. Minha preferida é Os Sullivans da Bella Andre.
    Tinha lido uma resenha do terceiro livro e gostado, com mais uma resenha da série positiva minha vontade de lê-la só aumenta! Adorei a resenha =))

    Beeijinho. Dreeh
    Blog Mais que Livros

    ResponderExcluir
  28. Oi, tudp bem?
    Quero muito ler essa série, pois gosto do gênero.

    ResponderExcluir

Obrigada pela visita!
Todos os comentários deixados aqui serão carinhosamente retribuídos.
Para isso, basta deixar o endereço do seu blog!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Siga-nos no Networked

Siga-me no BlogLovin

Follow on Bloglovin